Mostarda Escura

‘Tô’ para conhecer pessoa mais debochada que o Rosa, ‘gentem’ esse meu amigo que tem no nome a sua cor favorita, é cruel, ninguém passa despercebido por ele. É uma figura impagável, entende de tudo um pouco, moda, decoração, estilo, costumes, política e outros assuntos, e por isso acha que pode falar de tudo e de todos com propriedade. É cômico!

Esses dias passamos por uma negra linda na rua, tinha um corpo maravilhoso, cabelo Black amarrado, tipo turbante, de chita floral graúdo, cheia de pulseiras, argolas enormes nas orelhas, a sandália era salto 15, maior que dote de muito marmanjo. Era uma mulher admirável, feminina, delicada, uma diva afro, porém, tinha um bigode enorme, tinha mais que eu e o Rosa juntos, mas tudo bem, se ela tivesse tirado com cera quente ao invés de descolorir com água oxigenada volume 70, tadinha parecia que tinha tomado leite. O comentário do Rosa me fez rir da cena por três dias e nunca mais esquecer da figura feminina que foi arrasada com a observação dele. Ainda hoje lembro disso e não consigo ficar sério.

Certa vez veraneamos juntos, fomos para uma praia maravilhosa, num resort lindo. Quando entramos no elevador nos deparamos com uma moça muito elegante, usava a parte superior do biquíni, lindo por sinal, cores fortes, vivas, como era tendência na época, a lycra era boa, dava para ver que era de griff, o óculos segurava o cabelo bem cuidado. É difícil encontrar alguém com cabelo bem cuidado na praia né, vamos combinar, geralmente é aquele judiado do sol e da água salgada, e ainda tem criatura que diz que sol e salmora é bom pra tudo. Aff!!! A moça tinha pele bonita, o chinelo era bonito, estiloso, o shortnho tipo Carla Peres na época do É o Tchan que não tinha muito a ver, mas fazia parte da moda como saída de banho. Ok!

Daí o Rosa esperou ela descer no andar e cuspiu o veneno:

– O que era o shortinho ‘atochado’ sobre a bermudinha de pelúcia?

Ai, não tinha entendido direito, mas depois percebi, que a depilação de meia perna não adiantou para ela, pois as coxas tinham mais cabelo que as crentes xiitas.

Meu edí sem pestanas! O Rosa é muito observador e não consegue guardar para ele o que vê, tem que comentar. Uma vez no clube nós estávamos tomando sol depois de nadar quase a manhã inteira, quando vimos que o salva vidas estava  caminhando em volta da piscina  para se distrair, afinal, tinha pouco movimento aquele dia, e o gostosão devia estar entediado de ficar naquele tipo de mirante olhando a paisagem estática… Quando passou por nós, reparamos aquele corpão dourado que vestia apenas uma sunga vermelha coordenado com boné da mesma cor e óculos espelhado. Nossa!!!

Então o Rosa não resiste, olhando para o céu azul me questionou:

– Amicha, tu viu o que eu vi?

Eu disse:

– Lógico né não tô morta! Esse é novo aqui no clube, é um corpão e tanto né?

E então ele soltou o veneno:

– Sim, um corpão bom demais, acho que até vou me afogar a tarde, mas além disso ‘amicha’ as estrias que ele tem nas coxas e na bunda, parece que foi arranhado por um tigre! Vou pegar meu ácido retinóico e tratar esse bofe.

Ai Rosa, tu é horrível mesmo, não passa nada por esses olhinhos hien?! Descansa um pouco a língua com este drink porque hoje tu está pior que mostarda escura, além de pretinha tu é sempre picante.

Smack!

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s